Enviado por: sirleimadr em 07/08/2015 484 leituras

Segurança Pública Sumaré inicia monitoramento de entradas e saídas da cidade

Sumaré inicia monitoramento de entradas e saídas da cidade

A Prefeitura de Sumaré vai dar inicio a implantação de 25 câmeras inteligentes de videomonitoramento (sendo 6 de longo alcance), nas entradas, saídas e pontos de grande circulação da cidade. As imagens serão transmitidas para o sistema central via rádio, onde ficarão armazenados e à disposição das Polícias Civil e Militar.






De acordo com a prefeitura serão investidos R$ 600 mil para a compra e instalação dos equipamentos que são de última geração, do tipo OCR, que permitem a visualização e o congelamento de imagens de pessoas suspeitas e das letras e números das placas dos veículos, além de R$ 25 mil mensais fixos para o pagamento de aluguel do sistema de software.

O sistema de videomonitoramento receberá também as informações dos boletins de ocorrências do município, caso algum veículo seja furtado ou roubado em Sumaré ou em alguma outra cidade da região que possuir cooperação poderá ser detectado e a polícia comunicada imediatamente.

Outras situações tidas como suspeitas na circulação de veículos, como entradas e saídas constantes da cidade em horários de ocorrências de crimes, também serão detectadas.

O sistema de videomonitoramento de Sumaré também será interligado ao de outras cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC), como Indaiatuba, Vinhedo, Itatiba, Jaguariúna, Nova Odessa, Hortolândia, Monte Mor e Arthur Nogueira. As cidades de Holambra, Santa Barbara d’Oeste e Campinas também integrarão o projeto brevemente. 

Queda da criminalidade
O ex-secretário municipal de Segurança Paulínia e atual de Sumaré, Ronaldo Pontes Furtado, disse na tarde desta terça que o sistema é mais uma ferramenta no combate à criminalidade e que nas cidades que já o utilizam ele funcionou. "Visitei Araras e Indaiatuba onde o videomonitoramento já funciona e houve uma queda de 40% nas ocorrências criminais. E isso de maneira rápida", disse Furtado.

Ele afirmou que os recursos para a implantação do projeto são do próprio caixa da Prefeitura e que a expectativa é que ele comece a funcionar até o início de dezembro. "Nossos índices de criminalidade caíram neste segundo trimestre se comparado com o primeiro e a expectativa é que ele continue caindo".

origem: http://www.portaldepaulinia.com.br/re ... s-e-saidas-da-cidade.html


Sirlei Madruga de Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do CFTV


Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?





Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.'