Enviado por: sirleimadr em 08/06/2018 104 leituras

Lançamentos e Releases Cinco perguntas e respostas sobre impressoras 3D

Cinco perguntas e respostas sobre impressoras 3D

Máquinas imprimem desde acessórios até carros e casas e podem ser compradas no Brasil






As impressoras 3D estão disponíveis no mercado com modelos variados, indo do básico ao avançado e com preços diversos no Brasil. Com a tecnologia, já é possível imprimir desde objetos simples, como acessórios e peças de decoração, até carros e casas. Para isso, diferentes tipos de materiais são adaptados para o equipamento, como metais e plásticos.

Para esclarecer as principais questões sobre a tecnologia, confira a seguir cinco perguntas e respostas sobre impressoras 3D. Entenda o motivo do nome do aparelho, saiba como são feitas impressões complexas e quanto custa para comprar os diferentes modelos à venda no mercado nacional.

1. Por que o nome "Impressão 3D"?

O processo feito pelo tipo de impressora ganha a sigla "3D" por conta da revelação dos projetos em três dimensões. Com altura, largura e comprimento, os objetos impressos ficam da mesma forma que uma peça ou acessório fabricado de forma tradicional.

2. O que é possível imprimir em uma impressora 3D?

Apesar de ter sido utilizada inicialmente para protótipos, as impressoras 3D atualmente podem criar qualquer objeto, como prateleiras, chaveiros, brincos, mesas, entre outros. Além disso, a tecnologia já pode ser utilizada para a produção de carros, casas e próteses para auxiliar humanos e animais. Para uso comercial, as máquinas permitem também revelar objetos de acordo com um scanner, como a leitura de um pé para imprimir um sapato na cor e modelo escolhido pelo cliente, por exemplo.

Em qualquer impressão é essencial que o projeto esteja moldado em um software para que o modelo seja enviado para a máquina. Algumas impressoras 3D vêm com um programa de edição para ajudar o usuário no desenvolvimento da ideia. Além disso, há sites que oferecem arquivos 3D prontos para imprimir.

3. Como carros e casas são impressos?

O especialista em Performance Materials (Plásticos) da UL (Underwriters Laboratories), Marcelo Fontoura, explica que todas as peças reveladas por uma impressora 3D passam pelo processo de organização da indústria tradicional. Dessa forma, é feita a separação de cada fase para uma posterior montagem do produto maior – portanto, não é preciso ter uma máquina gigante para imprimir objetos maiores. Basta planejar cada parte do objeto no software e enviar para impressão de forma que possa ser montada depois.

4. Qual é o preço de uma impressora 3D?

Assim como um computador e outros eletrônicos, o preço de uma impressora 3D varia de acordo com sua configuração, que pode ser mais básica ou mais avançada. No Brasil, há modelos estrangeiros à venda como a Cube Gen3 e a MakerBot Replicator Mini, que custam R$ 7.600 e R$ 8.300, respectivamente. No entanto, aparelhos nacionais, como a Stella 2, podem ser encontrados por cerca R$ 2.500.

5. Quais materiais podem ser usados na impressão?

Grande parte dos objetos que saem das impressoras 3D são feitos de plástico. Entretanto, as máquinas podem trabalhar também com matérias-primas como metais, alumínio, poliamidas e diversos tipos de resinas.

https://youtu.be/II-vO-UxUM0

Origem: TechTudo


Marcelo Peres

mpperes@guiadocftv.com.br

GuiadoCFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: 'Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.'

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para noticias@guiadocftv.com.br