A Revolução Digital  Tecnologias em Geral  Eng° Marcelo Peres  16-Oct-2014 20:00  0  2740 leituras

Tecnologia e Desenvolvimento na plataforma digital

Graças aos sistemas digitais estamos tendo o crescimento e popularização da informática no mundo inteiro, o barateamento dos custos de produção, o desenvolvimento de novas tecnologias, a possibilidade de substituir sistemas de grande porte caracterizados pelo alto custo, difícil elaboração e baixa flexibilidade por sistemas com operação muito mais simples, mais eficientes, com menores dimensões e com menor custo levaram a aplicação dos sistemas digitais como base para o desenvolvimento de toda uma nova geração de equipamentos. Que mudaram todo o mundo, facilitando a vida das pessoas, criando novas necessidades, aprimorando processos, encurtando distâncias, enfim, nada menos que a grande revolução digital, a qual presenciamos todos os dias.

No CFTV não é diferente, apesar dos sistemas digitais de CFTV terem explodido efetivamente a partir do ano 2000, seu crescimento e desenvolvimento acompanha a revolução digital, dadas as incontáveis vantagens dos sistemas de CFTV Digital sobre os sistemas de CFTV analógicos. Na realidade os sistemas digitais permitiram ao CFTV espalhar-se pelo mundo e tornar-se uma necessidade básica em cada empresa do mundo, assim como propiciou que os sistemas de CFTV pudessem ser utilizados não somente por pessoas de grande poder aquisitivo mas permitiu o acesso a essas tecnologias para a maioria da população.

A revolução digital não está somente no nível de equipamentos com dispositivos digitais, mas também em todo o processo de projeto, desenvolvimento, produção e distribuição. Onde desde os sistemas de montagem SMD robotizados controlados por complexos softwares de gestão e controle, todas as ferramentas que permitiram o crescimento da indústria são baseadas na revolução digital.

Além disso a informática e as telecomunicações criaram novas possibilidades e necessidades de comunicação e aplicações, que tornaram as pessoas e as informações muito mais próximas, a internet se espalhou pelo mundo criando novas redes, novos serviços, novos tipos de comunicação, tornando qualquer tipo de informação muito mais acessível e fácil de localizar.

Todos estes desenvolvimentos também estão no CFTV, os sistemas digitais fazem uso das novas tecnologias e permitem que se visualizem imagens a distância, permitem o controle de redes de câmeras, permitem a gravação de imagens em tempo real para grandes períodos de tempo, acessíveis rapidamente através de busca ou índices, em qualquer parte do planeta.

Sistemas Digitais X Analógicos

Vídeo digital é simplesmente mais rápido, expansível e fácil de administrar que o vídeo analógico. Pode ser integrado com instalações existentes de Circuito Fechado de Televisão oferecendo acesso instantâneo as imagens ao vivo ou mesmo as gravadas, o armazenamento é muito mais simples, oferecendo um tempo de autonomia muito maior, a qualidade da imagem digital é incomparavelmente superior além de não sofrerem degradações com armazenamento. Os sistemas de vídeo digitais podem alcançar um objetivo primordial: abaixar os custos operativos que resultam num melhor custo e beneficio. Os benefícios de vídeo digital estão claros quando comparados com as características equivalentes de sistemas análogos. As empresas estão aos poucos aderindo aos benefícios do CFTV Digital. Principalmente pela possibilidade de conexão em rede, permitindo o acesso local ou remoto, redução de infraestrutura para de instalação, melhores recursos de informática acesso a qualquer momento, além do gerenciamento de permissões de acessos e gravação de históricos de acesso.

Vantagens dos Sistemas Digitais sobre os Analógicos:

SISTEMA DIGITAL

SISTEMA ANALÓGICO

Pontos Chaves

  • Fácil de instalar e operar

  • Baixo custo de manutenção (praticamente livre de manutenção)

  • Opera com softwares poderosos.

  • Necessita significante intervenção manual.
    Alto custo de manutenção conforme o tempo.
    Requer hardware adicional como sequenciais, quads e multiplexadores.

  • Limitações Extremas em Ampliações e Atualizações

Gravação

  • Permite flexibilidade total para diversas taxas de gravação, de acordo com o evento

  • Geralmente faz uma gravação com taxas fixas para todas as câmeras.

Busca

  • Tempo de recuperação é instantâneo.

  • Habilidade de buscar imagens instantaneamente por data/hora ou evento

  • Dificuldade e longo tempo consumido na recuperação de imagens de vídeo.

Operação

  • Pode ser operado de forma centralizada, configurado e acessado de qualquer site local ou remoto.

  • Sistemas de rede permitem que somente usuários autorizados tenham acesso e compartilha as informações entre os sites.

  • Sistema deve ser operado, configurado e verificado localmente, item por item por um operador esporádico ou contínuo com o devido treinamento.

Armazenamento

  • Armazenamento ininterrupto e automático para discos rígidos com operação duplex ou triplex.
    Um HD de 160 GB armazena o equivalente a mais de 30 fitas.

  • A gravação é interrompida na troca de fitas e as imagens não são gravadas durante a substituição, problemas, ou falta de fitas.

  • A substituição de fitas as vezes é esquecida
    As fitas necessitam um espaço substancial de armazenamento
    Armazenamento de fitas requer um trabalho intensivo

Utilização

  • Imagens de Vídeo de alta qualidade que não sofrem degradação com o tempo.

  • Facilidade de Backup.
    A combinação da alta qualidade e confiabilidade, e possibilidade de reconhecimento.

  • Interface Gráfica Normalmente de Fácil Utilização

  • Velocidade de Visualização

  • Gravação com Marca D´água

  • A qualidade da imagem é reduzida cada vez que a fita é reproduzida ou regravada
    Fitas VHS precisam ser substituídas freqüentemente, tipicamente após 10 gravações, e se degradam rapidamente mesmo corretamente armazenadas.
    Os cabeçotes do time-lapse devem ser limpos regularmente.
    Baixa qualidade de Vídeo, normalmente não aceito como evidência.
    Sem marca d´água.

Gerenciamento

  • Gerenciamento centralizado e facilitado, Histórico de Eventos, Nível de Administrador, Acesso remoto, Notificações

  • Dificuldade de gerenciamento de grande número de sites e locais, assim como dificuldade de gerenciamento das fitas.
    Não existe nenhuma indicação de falha na gravação, somente verificação manual.

Atualização

  • Integração de sistemas analógicos e digitais, possibilidade de ampliação

  • Não disponível

Se você encontrar algum erro na lista por favor envie um comentário ou e-mail que faremos a correção o mais breve possível.

Autor:

Engº Marcelo Marcelo Peres (mpperes@guiadocftv.com.br)
Currículo: http://lattes.cnpq.br/0494967819852143
CREA RS92033 - 220417740-7
Guia do CFTV

Origem:
 
Engº Marcelo Peres
mpperes@guiadocftv.com.br
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?


Importante:
'Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.'

avaliação 2.49/5
avaliação: 2.5/5 (65 votos)
Ver este arquivo em formato PDF Impimir arquivo
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.


Anúncios

Inscreva-se em nossa lista de e-mails

Anúncios

Pesquisar nos Fóruns

Pesquisa Avançada

Anúncios

Conteúdo Correspondente


style="display:block"
data-ad-format="autorelaxed"
data-ad-client="ca-pub-6290776660462717"
data-ad-slot="7712548665">

Facebook


Anúncios

Anúncios

Design por: Angelo Rocha