Ações integradas de segurança pública resultaram na localização de 5.187 veículos e motocicletas furtadas ou roubadas em todo Estado e demais regiões do país. Uma das ferramentas utilizadas no enfrentamento as práticas destes crimes é a câmera OCR (leitores ópticos de caracteres). Em Cuiabá, Várzea Grande e região da fronteira são 22 câmeras de videomonitoramento, instaladas em pontos estratégicos.

Também pelo sistema OCR é possível criar um alerta com a placa do veículo que foi roubado ou furtado e ao passar pelo ponto de monitoramento, um aviso é emitido no Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp).

Após isso, os operadores das câmeras solicitam ação policial no local citado. As câmeras captam as placas que identificam irregularidades do veículo e do proprietário: – número do Renavam (Registro Nacional de Veículos Automotores), chassi e da carteira de habilitação. O sistema OCR registra até 400 veículos por minuto.

Nos doze meses de 2018, em Cuiabá e Várzea Grande, foram registados 2.725 roubos e furtos de veículos. O coordenador do Ciosp, coronel PM Siziéboro Elvis de Oliveira, destacou que as câmeras OCR são eficazes nas ações de segurança pública.

“Alcançamos bons resultados com o videomonitoramento. Nossa atuação é aliada com a dos policiais que fazem o trabalho ostensivo e de investigação”, enfatizou.

O gerente técnico do Ciosp, sargento BM Leandro Gustavo Alves, afirmou que a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp), por meio da adjunta de Integração Operacional (Saiop) vai ampliar o número de câmeras OCR e disponibilizar os serviços de fiscalização para a Secretaria de Fazenda (Sefaz), Meio Ambiente (Sema), entre outras.

“Nosso planejamento é instalar novas câmeras ao longo das rodovias do Estado para fiscalizar não só práticas de roubo e furto de veículos, mas outros delitos com o fisco e meio ambiente. Esperamos a otimização de recursos e potencialização dos resultados, para oferecer um melhor serviço à população mato-grossense”, argumentou.

Origem: Midia News

Marcelo Peres

[email protected]

Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para [email protected]


Comentários