Com imagens de alta qualidade e uma tecnologia de ponta, o Grupo Verzani & Sandrini passou a integrar em sua equipe de segurança patrimonial, a utilização de drones. “É mais uma opção para os clientes da companhia, visto que o equipamento pode auxiliar equipes de segurança durante as rondas e adentrar locais de difícil acesso”, explicou Amarildo Moraes, diretor de negócios do Grupo Verzani & Sandrini.

A utilização de drones para fiscalizar a segurança em áreas rurais e industriais traz diversos benefícios. A tecnologia permite o envio de imagens, em alta resolução, em tempo real e com uma ampla visão dos espaços monitorados, identificando fragilidades e organizando melhor os componentes da operação. Além disso, reduz a exposição a riscos humanos, uma vez que dispensa a colocação de um segurança em campo.

Recentemente, o Grupo Verzani & Sandrini implementou esse novo recurso em um de seus clientes, a Mercedes-Benz, localizada em Iracemápolis (interior de São Paulo), onde eram realizados monitoramentos padrões como vigilância patrimonial, postos de vigilância convencionais e motorizados. “Havia muita dificuldade nesse local, visto que há uma área de preservação ambiental, de difícil acesso. Com a utilização do drone, foi possível mapear todo o ambiente e orientar a empresa sobre outros possíveis riscos”, comentou Amarildo Martins Queiroz, analista de Segurança Empresarial da Mercedes-Benz.

A implementação desse novo recurso já apresenta seus primeiros resultados. “É possível auxiliar não somente o segurança do perímetro, como identificar possíveis focos de incêndio, dentro da área de preservação, acionando bombeiros e brigada de incêndio de forma rápida ou, ainda, auxiliando os vigilantes, em caso de tentativa de roubos, identificando se os suspeitos estão armados etc”, disse Sandro Franco de Moraes, colaborador do Grupo Verzani & Sandrini.

De  acordo com Moraes, a empresa trabalha para entregar soluções cada vez mais completas para seus clientes, com uma equipe altamente treinada para todas as ocasiões. “A expertise da companhia somada ao uso da tecnologia, só vem a agregar aos nossos serviços de segurança corporativa. Os clientes esperam essas mudanças e nós estamos atentos”, concluiu o funcionário do Grupo.

Origem: Revista Segurança Eletrônica

Marcelo Peres

[email protected]

GuiadoCFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para [email protected]

Comentários