A Secretaria de Segurança Pública finaliza os estudos técnicos para implantar um novo modelo de monitoramento que pretende dar a Mogi das Cruzes o status de “cidade inteligente”. O projeto, coordenado pela empresa chinesa Dahua prevê a instalação de uma nova Central de Operação Integrada (COI), dotada de recursos tecnológicos modernos. Além de identificar problemas no trânsito e veículos suspeitos, o sistema permitirá o e identificação facial e comportamental através das imagens.

O trabalho da Prefeitura é feito atualmente pela Central Integrada de Emergências Públicas (Ciemp), com o monitoramento da Guarda Municipal, que conta com 73 câmeras espalhadas em vários pontos estratégicos da cidade. Outras 23 estão em fase de instalação, com investimento de cerca de R$ 500 mil.

Porém, além dessas, o secretário municipal de Segurança Pública, Paulo Roberto Madureira Sales explica que o novo projeto prevê mais investimentos em equipamentos e implantação de um sistema interligado com as polícias civil e militar, medida que deve otimizar os trabalhos dos agentes de segurança.

Origem: O Diário24

Marcelo Peres

mpperes@guiadocftv.com.br

Guia do CFTV

 

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

 

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

 

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para noticias@guiadocftv.com.br

Comentários