A Fujitsu desenvolve IA de detecção facial para quantificar os níveis de concentração das pessoas

A Fujitsu desenvolveu um novo modelo de IA que afirma poder capturar e quantificar o quanto uma pessoa está se concentrando ao realizar tarefas.

Convencionalmente, os modelos de IA projetados para quantificar a concentração foram criados por algoritmos de treinamento para reconhecer as expressões e comportamentos de pessoas que executam tarefas específicas, como e-learning, explicou Fujitsu.

Mas, como as expressões faciais e o comportamento variam de acordo com as tarefas envolvidas e o contexto cultural em que cada pessoa cresceu, isso significa que tem sido difícil desenvolver modelos de IA que possam analisar diferentes situações específicas, disse a empresa.

Com seu novo modelo de IA, a Fujitsu afirmou que pode detectar a concentração de uma pessoa em várias tarefas, pois identifica características comuns e separa a análise de cada grupo de músculos para que não seja facilmente influenciada pelas origens culturais dos participantes.

“A tecnologia captura mudanças em um curto período de alguns segundos, como uma boca tensa, e mudanças de longo prazo em períodos de dezenas de segundos, como olhar fixamente, com intervalos de tempo otimizados para cada unidade de ação”, disse Fujitsu.

Ao construir o modelo de IA, a Fujitsu coletou dados de 650 pessoas na China, Japão e Estados Unidos como parte de seu conjunto de dados de aprendizado de máquina. O conjunto de dados incluiu informações focadas em pessoas engajadas em tarefas, como memorização e pesquisa, que requerem concentração.

Usando o modelo de IA recém-desenvolvido, os níveis de concentração dos participantes em cada país foram estimados para uma série de tarefas, e foi possível estimar o grau de concentração com mais de 85% de precisão, afirmou a Fujitsu.

Além disso, quando o modelo de IA desenvolvido foi avaliado usando dados que incluíam concentração e não concentração devido à sonolência, a Fujitsu disse que foi capaz de confirmar quedas na concentração devido a indicadores de sonolência.

A Fujitsu espera que o modelo de IA mais recente possa ser aplicado em vários serviços, como aulas online, reuniões online e atividades de vendas, que se expandiram devido ao aumento do aprendizado e trabalho remotos.

Em todo o mundo, organizações como a American Civil Liberties Union (ACLU) condenaram o uso de sistemas de reconhecimento facial defeituosos . Em uma postagem de blog no ano passado, a advogada sênior da ACLU, Ashley Gorski, disse: “Nos últimos dois anos, ficou cada vez mais claro que a tecnologia de reconhecimento facial não funciona bem e seria um pesadelo para as liberdades civis e privacidade, mesmo que funcionasse. ” 

Entretanto, o Conselho da Europa publicou novas orientações no início do ano que criticaram a implantação de tecnologias de reconhecimento facial em locais de trabalho e contextos de aprendizagem.

O watchdog alertou que quando a tecnologia é usada exclusivamente para determinar a cor da pele, crença religiosa, sexo, origem étnica, idade, saúde ou status social de um indivíduo, o uso de reconhecimento facial deve ser proibido, a menos que possa ser demonstrado que sua implantação é necessário e proporcionado.  

Nas mesmas condições, o Conselho da Europa disse que a proibição também deveria se aplicar a ferramentas digitais que possam reconhecer emoções, detectar traços de personalidade ou problemas de saúde mental, já que podem ser usadas indevidamente em processos de contratação ou para determinar o acesso a seguro e educação.

 

 

 

 

João Marcelo de Assis Peres

joao.marcelo@guiadocftv.com.br

GuiadoCFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para noticias@guiadocftv.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.