Câmeras de segurança podem ajudar a identificar suspeitos de arrastão

Quadrilha manteve moradores reféns e roubou sete apartamentos de condomínio. O circuito de câmeras de segurança do condomínio de luxo assaltado no domingo (3), no bairro Mont’ Serrat, em Porto Alegre, pode auxiliar a polícia a identificar a quadrilha que manteve moradores como reféns e roubou sete apartamentos. Um dos integrantes foi preso durante a a madrugada desta segunda-feira (4), próximo a uma churrascaria na rua Silva Jardim, no bairro Auxiliadora.
As informações são do Correio do Povo. Segundo o delegado que investiga o caso, Rodrigo Bozzeto, com a captura desse homem será mais fácil localizar os demais criminosos. Ele não descarta que o grupo tivesse informações privilegiadas sobre o funcionamento do prédio, já que o preso rendeu o porteiro justamente no horário da troca de turno dos funcionários.A polícia fez campana na churrascaria após receber uma denúncia e identificou o suspeito, que teria recebido uma ligação e, logo depois, tentado voltar correndo para dentro do estabelecimento. O homem correu cerca de uma quadra entre prédios e em cima de telhados. Quando foi alcançado, os agentes ingressaram no restaurante e localizaram um colete de motoboy que teria sido usado por ele no assalto, um radiocomunicador, três celulares de vítimas do condomínio, um molho de chaves de um veículo do prédio, uma boina, dois bonés, duas mochilas, um carregador de bateria e dois estabilizadores.Várias vítimas reconheceram o suspeito, que tinha antecedentes criminais. Segundo a polícia, ele deu abertura para os cerca de dez integrantes da quadrilha, armados com revólveres e pistolas, entrarem no prédio, na rua Comendador Rheingantz, no bairro Mont’Serrat. Após assaltar um motoboy e roubar sua roupa, o homem se passou por entregador de pasteis e rendeu um dos vigias. O grupo passou então a entrar nos apartamentos a medida que os moradores chegavam o saiam. Dois carros foram roubados e utilizados na fuga. Um deles, um Ford Versailles, do filho de um morador, foi recuperado na avenida 24 de Outubro. Os criminosos também roubaram joias, dinheiro e pertences.
Suspeito estaria envolvido em outro assalto
O homem preso nesta madrugada teria envolvimento em um assalto ocorrido em 2010, em Canoas. Agentes do  Delegacia de Roubos a Cargas do Departamento Estadual de Investigações Criminais  prenderam, no dia 4 de outubro, três irmãos. Dois deles seriam proprietários de um restaurante, no bairro Auxiliadora. O terceiro teria antecedentes por assalto a banco e cumpriria pena no regime semiaberto no albergue Padre Pio Buck, em Porto Alegre.
 
Origem: Portal R7/SP – 07/04/2011
 
Engº Marcelo Peres
mpperes@guiadocftv.com.br
Editor do Guia do CFTV
Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?
Importante:
‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’  

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.