Atuação será apoiada por 600 câmeras de vigilância

Em
junho, o Centro de Operações do Rio se transformará em um quartel
general das Nações Unidas, das Forças Armadas brasileiras, da Polícia
Militar e da Guarda Municipal. Graças às 600 câmeras instaladas na
cidade, toda a operação de transporte e parte da segurança da Rio+20
poderá ser monitorada de dentro do complexo

O
centro acompanha 24 horas por dia a movimentação da cidade, a oferta de
serviços públicos e integra 30 órgãos e concessionárias de serviços
municipais

O
número de câmeras disponíveis hoje no Centro de Operações do Rio é
comparável ao de Madri e Nova York. Apesar disso, Osório diz não poder
garantir que o trânsito fluirá bem durante a Rio+20. "Nenhuma cidade
recebe um evento desse porte sem algum impacto. Mas posso garantir que o
carioca vai ser informado dos bloqueios", afirma o secretário. (PM)
(Jornal Valor Econômico, Brasil/SP – 24/02/2012)

 

 

origem:http://www.abese.org.br/noticias2.asp?n=123


Sirlei Madruga de
Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do
CFTV


Avalie
esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma
informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos
os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das
fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer
responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que
é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte
redatora.’ 

 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.