Centro de Santos deve ganhar 18 novas câmeras para monitoramento

Centro de Santos deve ganhar 18 novas câmeras para monitoramento
Equipamentos devem começar a funcionar em um mês e custarão pouco mais de R$ 1 milhão
A prefeitura de Santos, no litoral paulista, e a Petrobras assinaram na última segunda-feira (06/06) um convênio para instalar 18 câmeras de monitoramento na região central da cidade. Os equipamentos devem começar a funcionar em um mês e custarão pouco mais de R$ 1 milhão à empresa.

Segundo estimativa da prefeitura, o novo aparato de segurança deve beneficiar cerca de 18 mil moradores no centro histórico, como Vila Mathias, Vila Nova, Paquetá e Valongo, onde será construído um complexo de três torres para ser a base dos negócios e exploração do petróleo do pré-sal na Bacia de Santos da Petrobras. De acordo com a empresa, o primeiro prédio deve ficar pronto no final de 2013.

As 18 câmeras se somarão às 30 do Sistema Integrado de Monitoramento, operado em conjunto pela Secretaria de Segurança, Polícia Militar e Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), e vão auxiliar também no controle do trânsito na cidade. As câmeras têm alcance mínimo de 500 metros, visibilidade de 360º na horizontal e de 180º na vertical e serão blindadas. 
 
 
Origem: Revista IP
 
Engº Marcelo Peres
mpperes@guiadocftv.com.br
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?


Importante:
‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’ 

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.