Sem câmeras de segurança, crimes aumentam em cidade de MT, diz PM

Comerciantes afirmam que câmeras ajudavam a combater assaltos.
Secretaria afirma que equipamentos foram desligados após falhas.

Comerciantes
da região central de Rondodópolis, a 218 km de Cuiabá, estão
preocupados com os constantes assaltos que aumentaram desde que as
câmeras de monitoramento da Polícia Militar pararam de funcionar.

A
empresária Vanilda Rezende é proprietária de uma ótica e relojoaria em
uma das ruas mais movimentadas da cidade. Ela conta que as câmeras de
segurança já ajudaram a evitar prejuízos quando ladrões invadiram a loja
durante a madrugada e levaram cerca de 70 relógios. “A câmera da
avenida Marechal Dutra pegou a ação e viu que era a nossa logomarca na
sacola. A equipe que estava fazendo ronda foi avisada e abordou os
suspeitos”, detalhou.

De
acordo com a Polícia Militar, durante o período em que as câmeras
funcionavam, roubos como saidinhas de banco diminuíram 60%. Desde
janeiro, quando as falhas começaram, já foram registrados mais de 30
assaltos na região e 18 furtos a estabelecimentos comerciais.

 

 

origem:http://www.abese.org.br/noticias2.asp?n=156


Sirlei Madruga de
Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do
CFTV


Avalie
esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma
informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos
os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das
fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer
responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que
é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte
redatora.’ 

 

 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.