Tecnologia de CFTV de alta definição demonstrada no Estádio do Pacaembu pode ajudar no reconhecimento dos torcedores brigões

O Grupo Policom – em conjunto com a Abex
Brasil e a NNW e com o apoio da Federação Paulista de Futebol e
da Polícia Militar do Estado de São Paulo – divulgou projeto
piloto de monitoramento de alta definição com biometria facial
para estádios modernos, no dia 25 de março, durante partida
entre Corinthians e Palmeiras pelo Campeonato Paulista de
Futebol, realizada no Estádio do Pacaembu, às 16h. 

O Estádio, na ocasião, foi palco de duas
brigas entre torcedores, uma delas entre torcedores do
Corinthians e outra do Palmeiras. Apesar do aspecto desagradável
da situação, a solução pode mostrar sua utilidade, monitorando possíveis tumultos nas áreas de
arquibancada, reconhecendo nitidamente os rostos dos
torcedores, devido à elevada definição das imagens geradas
pelas câmeras, permitindo precisão na análise das pessoas
envolvidas na briga.

 

Como explica Sandro de Souza, diretor
comercial do Grupo Policom e líder do projeto piloto, “se o
projeto já estivesse implementado conforme o conceito de câmeras
fixas de altíssima resolução (16 ou 29 megapixel) para cobrir as
arquibancadas, as agressões teriam sido monitoradas na
totalidade. Temos as imagens da entrada dos torcedores pelos
portões de acesso de números 3 e 22, assim como pelas duas
catracas da Praça Charles Miller, além de imagens parciais das
brigas nas arquibancadas, que permitem o reconhecimento dos
torcedores envolvidos e que estão à disposição das autoridades
competentes”.

 

As imagens em alta
definição (full HD) estão à disposição da Imprensa nos links: Briga
na torcida do Palmeiras – jogo de 25 de Março
e
Briga
na torcida do Corinthians – jogo de 25 de Março

origem:www.vetorcom.com.br


Sirlei Madruga de
Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do
CFTV


Avalie
esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma
informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos
os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das
fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer
responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que
é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte
redatora.’ 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.