Juiz monitora de casa Complexo Prisional por videomonitoramento

Pedro Walicoski obteve o direito de ver imagens das mais de 100 câmeras.
Complexo Prisional do Vale do Itajaí, Canhanduba, tem mais de mil presos.

Em ação conjunta do Tribunal de Justiça com a Secretaria de Justiça e Cidadania e o Departamento de Administração Prisional (Deap), o juiz-corregedor Pedro Walicoski Carvalho obteve o direito de ver imagens em tempo real das mais de 100 câmeras de monitoramento do Complexo Prisional do Vale do Itajaí, o Canhanduba.

A ideia foi proposta pelo juiz-corregedor após observar o sistema de monitoramento, e aceita pelo Executivo e Judiciário. Walicoski é titular da Vara de Execução Penal da comarca de Itajaí e passou a contar na semana passada com esta ferramenta para acompanhar a situação na penitenciária, do presídio e do anexo do regime semiaberto que integram o complexo.

origem: http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2012/11/juiz-monitora-de-casa-complexo-prisional-por-videomonitoramento.html

Sirlei Madruga de Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’ 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.