Feira de Santana utiliza câmeras de segurança no combate ao Aedes Aegypti

Foram identificados 17 pontos de foco só no mês de janeiro

O município baiano de Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador, tem utilizado 185 câmeras de videomonitoramento da fabricante Axis Communications para identificar possíveis focos do mosquito Aedes aegypti em locais de difícil acesso. A iniciativa está sendo conduzida pela Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev).

As câmeras digitais de alta definição, com visão de 360 graus e dedicadas ao monitoramento de áreas com alto fluxo de pessoas, estão sendo utilizadas para realizar a varredura em locais abertos, quintais, telhados e lajes. Através delas, são observadas as condições de piscinas e tanques, além de vasilhames e lixo, alertando quando há necessidade de manutenção ou mesmo de fechamento das tampas.

As câmeras fazem parte do projeto de segurança urbana de Feira de Santana, composto por mais de 200 câmeras acessadas pela Guarda Municipal e pelas polícias Civil e Militar, dentro de uma central com um videowall, geridas pelo software da Digifort, parceira da Axis.

O uso do sistema em prol da saúde pública teve início em janeiro. Nesse período, segundo o secretário da Seprev, Mauro Moraes, foram identificados 17 pontos de foco do mosquito Aedes aegypti, tanto em prédios quanto ao ar livre, a exemplo de veículos abandonados ao longo da BR-116 Norte e imediações do bairro Parque Ipê. As imagens são enviadas para a Secretaria Municipal de Saúde, que encaminha profissionais aos locais para fiscalização e notificação.

O Brasil registra a maior epidemia de dengue de sua história. O ano de 2015 foi com o maior número de casos prováveis, com 1.649.008 registros. Neste momento de força-tarefa nacional, a tecnologia passa a ser aliada à saúde pública.

origem: http://www.revistadigitalsecurity.com.br/2016-03-feira-de-santana-utiliza-cameras-de-seguranca-no-combate-ao-aedes-aegypti-21185


Sirlei Madruga de Oliveira

Editora do Guia do CFTV

sirlei@guiadocftv.com.br
Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?


Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’ 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.