Tubarão testa sistema inédito para monitoramento do distanciamento social e do uso de máscara

Tubarão testa sistema inédito para monitoramento do distanciamento social e do uso de máscara

A solução utilizada é bastante inovadora e tem permitido identificar horários de maiores aglomerações

As empresas Monitorall e Deconve, em parceria com a Prefeitura Municipal de Tubarão, entregaram nas últimas semanas um projeto em caráter piloto, para auxiliar no monitoramento de ações preventivas da COVID-19, utilizando câmeras disponíveis em locais diversos da cidade.

A estrutura de câmeras foi disponibilizada pela empresa MonitorALL, que já atua na cidade com segurança privada por videomonitoramento, e que, através do projeto Cidade Segura, consegue levar mais segurança aos bairros, áreas comerciais e públicas de Tubarão, através do compartilhamento de imagens. A Deconve, por sua vez, disponibiliza a solução que faz o processamento dos vídeos, e com o uso de inteligência artificial, detecta as pessoas, mede o distanciamento social e identifica, de forma anônima, o uso ou não das máscaras de proteção.

A solução utilizada é bastante inovadora e tem permitido identificar horários de maiores aglomerações, o que facilita o entendimento sobre o funcionamento ou não das ações de conscientização junto à população.

Nos testes realizados, foi utilizada uma câmera no calçadão de Tubarão, que registra um fluxo diário de aproximadamente oito mil pessoas. Observou-se que em média 60% das pessoas respeitaram a recomendação de distanciamento social sugerida pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Durante horários de pico, onde há uma maior aglomeração, observou-se uma menor preocupação da população. No período entre as 13 e as 15 horas percebeu-se que somente metade das pessoas atenderam às recomendações de distanciamento social. Já no final da tarde, entre as 17 e as 19 horas, o valor observado foi de 55%. Em relação à utilização de máscaras de proteção respiratória verificou-se que mais de 80% pessoas estão seguindo a recomendação de utilização do acessório em local público.

Estas informações são fundamentais para a tomada de decisão dos gestores que estão à frente dos trabalhos de prevenção.

O acesso ao sistema de monitoramento será disponibilizado ao Centro de Operações de Emergências Municipais em Saúde (COEMS) para que possam monitorar o distanciamento e uso de máscaras de modo que estas informações sirvam para medir o resultado das ações de conscientização. Para o presidente da Fundação Municipal de Saúde, Daisson Trevisol, “o uso da tecnologia é fundamental neste momento, adotamos diversas soluções para melhorar o atendimento à população, e esta é mais uma que irá auxiliar-nos no enfrentamento da pandemia”, avaliou.

origem: Notisul

 Sirlei Madruga de Oliveira

 Editora do Guia do CFTV

 sirlei@guiadocftv.com.br

 


Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.