Covid: Estados e capitais antecipam a 3ª dose para os próximos dias; São Luís já começou o reforço

Ao menos quatro Estados e duas capitais devem se antecipar ao Ministério da Saúde e começar a aplicação da terceira dose antes do dia 15 de setembro. Em São Luís, no Maranhão, o reforço começou nesta quinta-feira, 26. A necessidade da dose extra foi anunciada na quarta-feira pelo ministro da Saúde Marcelo Queiroga. Países como Estados Unidos, Chile e Israel já adotaram a medida.

Na capital maranhense, o reforço é destinado a idosos acima de 70 anos e imunossuprimidos que vivem em instituições de longa permanência. O calendário para os demais grupos elegíveis será anunciado ao longo da semana. Segundo a prefeitura, todas as pessoas que tomaram a segunda dose há pelo menos seis meses. As pessoas com o sistema imunológico enfraquecido podem procurar a terceira dose 28 dias após a aplicação da segunda.

O próximo Estado a começar a aplicação da terceira dose é o Mato Grosso do Sul. A partir desta sexta, idosos acima de 80 anos que receberam a Coronavac há mais de seis meses e idosos com mais de 60 anos que vivem em instituições de longa permanência receberão uma dose extra da Pfizer.

Em Santa Catarina, o reforço começará no dia 1º de setembro. O público-alvo são os idosos acima de 70 anos que tomaram a segunda dose há pelo menos seis meses. A imunização será feita de forma escalonada, começando com as pessoas acima de 85 anos. Eles serão vacinados preferencialmente com o imunizante da Pfizer.

Goiás também dará início ao reforço na próxima semana, mas não especificou a data. A vacinação começará com idosos acima de 70 anos que vivem em instituições de longa permanência. O Estado usará a vacina da Pfizer para complementar o esquema vacinal.

O Estado de São Paulo marcou para o dia 6 de setembro o início da aplicação da terceira dose. O reforço será destinado a idosos acima de 60 anos que tenham recebido a segunda dose da vacina há pelo menos seis meses. O reforço será feito com qualquer vacina contra a covid-19 aprovada pela Anvisa.

A cidade do Rio anunciou a aplicação da dose extra para o dia 1º de setembro. A vacinação começará com os idosos residentes em instituições de longa permanência e, de forma escalonada, será estendida a todos os idosos que tomaram a segunda dose há pelo menos seis meses. O reforço será feito com doses da Pfizer ou AstraZeneca.

Outros 18 Estados estão aguardando mais informações por parte do Ministério da Saúde. O Espírito Santo afirmou que pretende começar a aplicar a dose extra em setembro, mas não soube informar se será antes ou depois do dia 15. A maioria dos Estados disse que ainda não foi comunicada oficialmente sobre a necessidade da terceira injeção. Alagoas, Amapá, Minas Gerais e Sergipe não responderam. O levantamento foi feito pelo Estadão junto às secretarias estaduais e municipais de Saúde em 26 de agosto.

origem: https://www.terra.com.br/noticias/coronavirus/covid-estados-e-capitais-antecipam-a-3-dose-para-os-proximos-dias-sao-luis-ja-comecou-o-reforco,1e32a5d40a0c9aab1beb1c7a3f58ee1d5up3o9yj.htmlLink Origem

Sirlei Madruga de Oliveira

Editora do Guia do CFTV

 sirlei@guiadocftv.com.br

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para noticias@guiadocftv.com.br

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.