USP de São Carlos desenvolve robô que ajuda na segurança de ambientes

Protótipo de R$ 15 mil levou dois anos para ser desenvolvido pelo ICMC. Equipamento possui câmeras de alta tecnologia com sensor em 3D.

O Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da Universidade de São Paulo (USP), em São Carlos (SP), desenvolveu um robô para auxiliar na vigilância, detectando ladrões, e identificar incêndios em ambientes internos. O equipamento custou R$ 15 mil e é composto por câmeras desenvolvidas com alta tecnologia que usam um sensor em 3D, que capta movimentos, e uma câmera térmica que usa infravermelho para identificar as pessoas pelo calor.

Foram dois anos de pesquisa para desenvolver o protótipo, que capta as imagens mesmo no escuro. “Ele vai fazer detecção de intrusos ou situações como foco de incêndio”, explicou Diogo Santos Corrêa, doutorando em ciência da computação.O objetivo do pesquisador foi criar um robô que evita incidentes em ambientes interno. “Evita de ter vários sensores e câmeras, ele pode ficar navegando em um depósito de materiais, ou em um mercado à noite, por exemplo, sem precisar de vários sensores porque será um robô só”, disse

origem: http://www.abese.org.br/clipping05-08-2013/#e1

Sirlei Madruga de Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’ 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.