Estado vai adotar viaturas com câmeras para reforçar a Segurança

Testes foram realizados nesta semana; pelo menos 100 veículos devem ser comprados neste semestre

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) testou, durante esta semana, a primeira viatura totalmente monitorável. A tecnologia embarcada deve auxiliar no monitoramento, operações e segurança estratégica do estado

O veículo da categoria SUV possui um sistema inovador com GPS e multimonitores para as quatro câmeras instaladas ao longo do veículo, sendo a do teto em alta resolução com canhão de luz acoplado.

As imagens são transmitidas ao vivo para o Centro de Operações Integradas (Ciosp).

Dentro do carro também pode ser consultada a ficha criminal de um suspeito durante uma averiguação, a seleção de tipos de veículos para a parada em uma blitz ou até mesmo o monitoramento de placas de veículos roubados.

De acordo com o coordenador de tecnologia de informação da secretaria, Walmir Oribes, a tecnologia embarcada vai permitir mais agilidade e acompanhamento dos policiais em serviço.

“Com esta ferramenta, os policiais terão muito mais respaldo em uma abordagem. A tecnologia é inovadora, o policial tem todo o controle do equipamento juntamente com a central. Desta forma, eles e o cidadãos serão mais resguardados”, explicou.

O sistema tem a transmissão via 4G e o armazenamentos das imagens é feito no equipamento do veículo e na Central de Monitoramento.

origem: http://www.midianews.com.br/conteudo.php?sid=3&cid=231899

Sirlei Madruga de Oliveira

sirlei@guiadocftv.com.br

Editora do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’ 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.