PM de Gurupi começa a instalar câmeras de monitoramento em bairros da cidade

A Polícia Militar de Gurupi está instalando mais de 80 novas câmeras pelas ruas da cidade para reforçar o trabalho de monitoramento na região. Um levantamento divulgado pela própria PM indica que residências estão se tornando os alvos preferidos dos criminoso. Este tipo de crime é um dos mais praticados na cidade.

Segundo o 4º batalhão da PM, serão 72 câmeras fixas pequenas e outras 15 com maior capacidade de alcance. O vídeo monitoramento atualmente é feito só na região central de Gurupi e está sendo ampliado para abranger os bairros.

Os equipamentos são capazes de fazer giros de 360 graus. A central de monitoramento fica no quartel da PM é a mesma que faz a vigilância do centro. A própria PM disse que tem um projeto para no futuro conectar as câmeras particulares de casas e estabelecimentos comerciais a essa central. A ideia é tornar o monitoramento mais abrangente.

“É importante frisar que este é apenas um material de auxílio. O fundamental mesmo são os nossos homens, que estão no patrulhamento para combater a criminalidade, mas o vídeo monitoramento auxiliará no desvendo e na prevenção da criminalidade”, disse o Tenente-Coronel Welley Costa.

origem: PM de Gurupi começa a instalar câmeras de monitoramento em bairros da cidade | Tocantins | G1 (globo.com)

Sirlei Madruga de Oliveira

Editora do Guia do CFTV

 sirlei@guiadocftv.com.br

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para noticias@guiadocftv.com.br

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.