Série Latitude 3000 da Dell oferece segurança superior para notebooks corporativos

Qualquer pessoa que queira comprar um equipamento eletrônico tem que se perguntar: para que eu vou usá-lo? Um notebook pessoal para estudo ou só para navegar na internet é diferente de um PC gamer em diversos aspectos – das especificações técnicas ao design. Isso também vale, talvez ainda com mais importância, para equipamentos que serão utilizados para trabalho.

O contexto do último ano forçou diversas empresas a deslocar sua força de trabalho para o home office. Essa mudança trouxe desafios, vantagens e desvantagens. Uma pesquisa feita no Brasil pelo DataSenado com cerca de 21 milhões de cidadãos que já trabalharam ou trabalham de forma remota registrou que, para 41%, o próprio rendimento laboral melhorou. Por outro lado, mais da metade dos entrevistados (57%) usam os próprios equipamentos no teletrabalho, e apenas 23% usam os equipamentos da empresa. E essa é uma questão delicada.

O relatório do Bitdefender mostra que quase dois terços (64%) de todas as vulnerabilidades não corrigidas relatadas estão relacionados a falhas de segurança detectadas antes de 2018 – ou seja, aconteceram em aparelhos desatualizados e desprotegidos.

A Dell lança em agosto uma nova linha de notebooks corporativos (empresarial) da série Latitude 3000 já pensando neste novo cenário de desafios empresariais. Ideal para as pequenas e médias empresas, os equipamentos combinam confiabilidade, segurança, durabilidade e inteligência artificial para oferecer a solução ideal para o meio corporativo, com a Dell como parceira de tecnologia.

Equipados com a 11ª geração de processadores Intel® Core™, que utilizam desempenho inteligente baseado em IA para acelerar a conclusão de tarefas de produtividade, criação e outras aplicações, a linha conta com chip TPM 2.0 que garante maior segurança ao sistema operacional. O leitor de impressões digitais integrado restringe o acesso ao aparelho, enquanto o Câmera Shutter possibilita o fechamento da lente da câmera quando ela não está em uso, protegendo sua privacidade.

Quando o home office não for mais necessário, os notebooks da Dell estarão prontos para irem a qualquer lugar. Criado para resistir às demandas intensas de trabalho, os equipamentos da Série Latitude 3000 foram certificados em testes de padrão militar para poeira, derramamento de líquidos e operação em ambientes de calor intenso.

O software de inteligência artificial Dell Optimizer proporciona ainda mais eficiência no dia a dia de trabalho, aprendendo como cada pessoa trabalha e se adaptando ao uso, melhorando o desempenho geral das aplicações e da bateria – além de ampliar a vida útil do aparelho.

A Dell também oferece suporte adicional a hardware e software, 24 horas por dia, todos os dias da semana com o ProSupport Plus. Além de monitores e acessórios para aumentar a produtividade do usuário. Você pode conferir o unboxing completo do produto no canal da Dell no YouTube e conversar com um consultor Dell Technologies através do atendimento por telefone (0800 722 3400) ou acessar a página para saber mais sobre a linha de notebooks corporativos.

origem: https://olhardigital.com.br/2021/08/11/reviews/serie-latitude-3000-da-dell-oferece-seguranca-superior-para-notebooks-corporativos/Link Origem

Sirlei Madruga de Oliveira

Editora do Guia do CFTV

 sirlei@guiadocftv.com.br

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para noticias@guiadocftv.com.br

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.