Itália estuda instalação de câmeras em salas de aula

A ministra da Educação italiana, Mariastella Gelmini, disse que o Governo vem estudando a instalação de câmeras de segurança dentro das salas de aula para combater o comportamento violento entre os estudantes.

A medida foi proposta pelo diretor de uma escola de Roma e sua implantação vem sendo avaliada pelo Governo. A ministra garantiu que caberia aos diretores a decisão de instalar ou não as câmeras. Gelmini, no entanto, disse ao diário "Il Giornale" que esta solução "não é suficiente" e ressaltou a importância do papel de pais e professores na conscientização dos estudantes.

"As famílias mudaram, assim como a sociedade. Os jovens passam muito tempo sozinhos e há um déficit de diálogo entre escola e os pais. É algo que queremos mudar", disse.

Gelmini também falou sobre a importância do esporte na educação.

"Os meninos tem uma grande energia positiva guardada. Nos próximos dias, vou me reunir com o Comitê Olímpico Italiano para promover e revitalizar o esporte na escola. Os estudantes precisam passar menos tempo no computador e fazer mais exercícios", afirmou.

 

Origem: Terra

 
Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.