Patente da Microsoft mostra mouse acoplado à mão

O aumento da facilidade ao lidar com computadores é tema de muitas pesquisas, e a busca pela inovação nessa área é acirrada. Mouses que se “encaixam” nas mãos de seus usuários como luvas não são novidade, mas uma patente registrada pela Microsoft mostra a intenção da desenvolvedora em explorar este campo.

Na patente, arquivada em outubro de 2006 e anunciada recentemente, a Microsoft mostra um mouse cujos movimentos seriam controlados por um seletor ativado pelo fechar da mão. Outros botões presentes seriam os tradicionais esquerdo e direito. Esse dispositivo facilitaria outras ações graças ao seu design pouco intrusivo.

Entre as tarefas que poderiam estar atreladas ao dispositivo estaria o digitar no teclado, como dito no site Engadget, graças a peças presentes na peça conceitual, como sensores giroscópicos, acelerômetros e magnetômetros, que poderiam ser utilizados como sensores de movimento.

Segundo o site istartedsomething, funcionários da Microsoft descrevem o mouse como uma mistura das luvas do fime Minority Report e o Wiimote, o controle do console Nintendo Wii.

Por enquanto, o mouse não passa de conceitual, e nada leva a acreditar que venha se tornar um produto dentro de alguns meses.

Origem: www.geek.com.br

Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários, de suas sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

[code]
Importante:
‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.'[/code]

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.