Câmeras em viaturas da Polícia e dos Bombeiros

Equipamentos servirão para controle dos atendimentos a ocorrências.

Automóveis
da polícia e Corpo de Bombeiros do estado poderão passar a contar com
equipamento de áudio e vídeo, com o objetivo de fiscalização e
monitoramentos das ações.

É o que prevê o projeto de lei 1.625/08, que
a Assembleia Legislativa do Rio aprovou nesta quarta-feira (05/08), em
primeira discussão. O texto, que diz que a instalação dos sistemas
deverá acontecer de forma gradativa, foi aprovado com uma emenda da
Comissão de Defesa dos Direitos Humanos que o tornou menos impositivo –
e garantiu sua aprovação.

“Espero que o texto volte a ser aprovado e,
em seguida, posto em prática pelo Governo, porque o que ele propõe é o
acompanhamento do trabalho destes profissionais – o que, além de
reduzir denúncias de abusos cometidos, representará maior segurança
para eles”, analisou o autor, deputado Gilberto Palmares (PT).

Segundo
detalha o texto, as câmeras ou microcâmeras deverão ser integradas ao
sistema de comunicação central dos órgãos de Segurança Pública e Defesa
Civil. As imagens devem ser arquivadas por um período mínimo de dois
anos e poderão ser utilizadas para atender a demandas judiciais e
administrativas.

 

Origem: http://odiariodeteresopolis.com.br

 
Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.