Prefeitos da Grande Porto Alegre formam rede contra o crime

Turbinada por milionárias verbas federais, Região Metropolitana resolve se unir para frear a violência. 

Incomodados com o número cada vez maior de pessoas batendo às suas
portas apelando por mais segurança, as prefeituras da Região
Metropolitana resolveram reagir.

Apesar de a Constituição
atribuir a função ao Estado, os municípios começaram nos últimos meses
um movimento para unir forças e criar um "frentão" para deter o avanço
da criminalidade. A Grande Porto Alegre detém a amarga realidade de
concentrar 53% dos homicídios e 80% dos roubos de veículos neste ano.

O
combustível para essa arrancada é o Programa Nacional de Segurança
Pública com Cidadania (Pronasci), a nova mina de recursos para o setor
por destinar volumosas verbas direto às cidades. Para o Rio Grande do
Sul, o Pronasci prevê para este ano o aporte de R$ 20,5 milhões para 12
prefeituras — 11 delas na Região Metropolitana.

Com os cofres
reforçados, as administrações, por meio da Associação dos Municípios da
Região Metropolitana da Grande Porto Alegre (Granpal), ganham fôlego
para melhorar a integração de suas ações pró-segurança e fazer render
cada centavo. A presidente da Granpal, Sandra Silveira (PTB), prefeita
de Esteio, projeta a organização de um consórcio intermunicipal que
possibilitará diminuir a burocracia e reduzir os valores em licitações,
como as câmeras de segurança, por exemplo.


Os nossos limites territoriais são tênues, e os problemas perpassam de
um para outro. A solução para isso está no conjunto. O consórcio
auxiliará no gerenciamento e também abrirá a alternativa de buscar
recursos externos, são só dos governos — diz.

Origem: Zero Hora

 
Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.