Sony anuncia corte de 8 mil funcionários e fechamento de fábricas

SÃO PAULO – A japonesa Sony anunciou nessa terça-feira que planeja
demitir 8 mil funcionários. A medida é parte de um plano para
economizar mais de 100 bilhões de ienes (US$ 1,1 bilhões) até o ano
terminando em março de 2010. "Esta iniciativa é uma reação às rápidas
mudanças no ambiente econômico global", destacou em nota a empresa, que
emprega 160 mil pessoas na área de eletrônicos.

Cerca de 10% das 57 plantas da Sony serão fechadas, incluindo
duas unidades fora do Japão, e foram adiados os planos de ampliar um
local na Eslováquia onde são fabricados TVs de LCD para o mercado
europeu. A companhia irá ainda reduzir seus gastos em semicondutores e
irá terceirizar parte da produção para sensores de imagem para
telefones móveis.

"Com base em tais medidas, a empresa pretende reduzir o
investimento no setor eletrônico em aproximadamente 30% no ano fiscal
que termina em março de 2010", avisou.

Em outubro, a Sony revelou que o lucro líquido deve diminuir quase 60% no ano fiscal que termina em março de 2009.

 

Origem: Valor On-Line

 
Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.