Câmeras de CFTV com problemas em Niterói

Segundo a Secretaria municipal de Segurança Pública e Direitos Humanos, as 19 câmeras instaladas em Niterói se encontram há mais de um ano fora de operação. Sistema esse que poderiam ajudar no combate à criminalidade.

O problema também afeta o monitoramento do tráfego na cidade. A Secretaria municipal de Serviços Públicos, Trânsito e Transporte tem 15 câmeras instaladas na região porém informam que pelo menos dez delas não funcionam.

A prefeitura, por sua vez, diz que, das 19 câmeras de segurança, quatro ainda operam, admitindo que as dez de trânsito estão quebradas. O orçamento prevê só R$ 3 mil para reparo

Instaladas a partir de janeiro de 2005, as câmeras de segurança nunca tiveram uma empresa responsável pela manutenção. Os equipamentos faziam parte de um investimento do governo federal, no valor de R$750 mil. Em junho deste ano, o secretário municipal de Segurança, Hélio Luiz Azevedo, disse que cerca de 30% das câmeras estavam fora de operação, mas seriam consertadas até o Pan-Americano, o que não ocorreu.

A prefeitura, no entanto, não alocou verbas para o conserto. Nos orçamentos de 2007 e na previsão para 2008 foram destinados apenas R$3 mil por ano para o reparo dos equipamentos. Segundo guardas municipais que não quiseram se identificar a manutenção costumava ser improvisada pela equipe da central de monitoramento.

Veja mais em: http://oglobo.globo.com/rio/transito/mat/2007/11/11/327119689.asp

Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários, de suas sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.