Câmeras na Sejus irão monitorar os presídios

As principais unidades penitenciárias do Estado do Ceará deverão
receber, nos próximos meses, câmeras de vigilância em todas as
dependências, com exceção do interior das celas.

O sistema de monitoramento já está em funcionamento na Penitenciária
Industrial Regional do Cariri (Pirc) e no Instituto Presídio Professor
Olavo Oliveira II (IPPOO II). Até o fim do mês de maio, a tecnologia
deverá ser expandida para outras unidades penitenciárias, segundo
estimativa do secretário da Justiça e Cidadania (Sejus), Marcos Cals.

O
projeto piloto já está funcionando há cerca de um mês e meio e foi
apresentado com exclusividade ao Diário do Nordeste pelo titular da
Sejus. Mostrando intimidade com a nova ferramenta, na sede da Sejus,
Cals afirmou que, de seu gabinete (na Praia de Iracema) acompanha todo
a movimentação na Pirc (a quase 600 Km de distância). “Daqui vejo tudo.
Quem entra, quem sai, menos dentro das celas”.

Além da Pirc e do
IPPOO II, até o fim de maio, as duas novas Casas de Privação Provisória
de Liberdade (CPPLs), que estão em fase final de construção; a
Penitenciária de Sobral e as CPPLs antigas, receberão os equipamentos.
No Instituto Penal Paulo Sarasate (IPPS), um projeto mais abrangente
com controle de acesso e monitoramento já está pronto e deve entrar nos
próximos meses em processo de licitação.

Para instalar os
equipamentos nas CPPLs antigas, na penitenciária de Sobral, na Pirc e
no IPPOO II, a Sejus investiu cerca de R$ 50 mil por unidade. Nas CPPLs
novas, o custo é de cerca de R$ 1,05 milhão por casa, devido à
qualidade dos equipamentos, segundo o secretário Marcos Cals. O custo
do sistema tecnológico a ser implantado em todo o complexo prisional do
IPPS é de aproximadamente R$ 800 mil.

Para controlar todas as
imagens captadas pelas câmeras das unidades, o secretário Marcos Cals
ressalta que será implantada uma sala de monitoramento na Secretaria de
Justiça. “Lá, existirá um rodízio de funcionários trabalhando 24 horas,
controlando o movimento de todas as unidades”.

 

Origem: http://diariodonordeste.globo.com/

 
Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.