Burocracia atrasa implantação de Câmeras de monitoramento eletrônico nas ruas de Itapema

Depois de 120 dias de atraso, ainda não há qualquer previsão para que Itapema tenha um sistema para monitoramento das ruas da cidade.

Depois de 120 dias de atraso, ainda não há qualquer previsão para que Itapema tenha um sistema para monitoramento das ruas da cidade com câmeras de vídeo. A previsão inicial da prefeitura era inaugurar os dispositivos em novembro do ano passado. Hoje, poder público municipal e Polícia Militar trocam farpas sobre a responsabilidade pela demora, impedindo uma solução imediata para o impasse.

O projeto inicial previa a instalação de 30 câmeras de monitoramento em pontos estratégicos da cidade. Entidades de classe como a Acita (Associação Comercial Industrial de Itapema) e CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas), entre outras, se comprometeram a pagar metade do investimento. Com a demora, os empresários acabaram investindo na recuperação da delegacia do município, que estava em estado precário.

Para o secretário de Governo e Planejamento Estratégico de Itapema, Evaldo José Guerreiro, a prefeitura só pode efetuar o investimento depois que for definido quem vai gerenciar o sistema. “Ninguém se comprometeu a monitorar os equipamentos”, justifica Guerreiro. O custo total do projeto pode chegar a R$ 1,2 milhão.

Segundo o comandante da PM em Itapema, major Darci Antônio Varela, existem sim problemas de efetivo “Mas não adianta discutir o assunto sem ter os dispositivos em mãos”, disse. O oficial sugere que a prefeitura ofereça pessoal treinado para operar os equipamentos. “Nós podemos ceder policiais para coordenar o serviço”, promete. No total, seriam necessárias pelo menos 12 pessoas para o trabalho.

Por intermédio da assessoria de imprensa, o presidente da Acita (Associação Comercial Industrial de Itapema), Roderjan Diehl Volaco, informou que a entidade continua aberta a negociações para resolver o impasse.

 
(Portal Tijucas/SC – 04/08/2011) 
 
 
Origem: Clipping ABESE
 
 
Engº Marcelo Peres
mpperes@guiadocftv.com.br
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?


Importante:
‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’ 

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.