Biobateria de papel eficiente e biodegradável em água

As baterias de papel são promissoras para uma série de aplicações, além de uma grande expectativa de serem ambientalmente corretas.

E este é justamente o trunfo deste novo protótipo, apresentado por Maedeh Mohammadifar e colegas da Universidade Binghamton, nos EUA.

A biobateria é verdadeira e comprovadamente biodegradável, graças ao uso de um material híbrido de polímeros e papel. Os polímeros – poli(amic)ácido e poli(dianidrido piromelítico-p-fenilenodiamina) – foram a chave para dar à bateria bacteriana suas propriedades biodegradantes.

A equipe testou a degradação da bateria em água e ela claramente se dissolveu sem os requisitos de instalações especiais ou a introdução de microrganismos adicionais, como acontecia com protótipos anteriores.

Além disso, as estruturas de papel de polímero são leves, de baixo custo e flexíveis, e a bateria é energeticamente eficiente.

“Nossa bateria de papel híbrida apresentou uma relação potência/custo mais alta do que todas as baterias microbianas de papel reportadas anteriormente,” disse o professor Seokheun Choi, cuja equipe já havia construído uma bateria de origami recarregada com água suja.

“O aumento de potência pode ser potencialmente obtido simplesmente dobrando ou empilhando os dispositivos flexíveis e híbridos de polímero e papel,” finalizou.

Origem: Inovação Tecnológica

Marcelo Peres

mpperes@guiadocftv.com.br

GuiadoCFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante: ‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Quer enviar suas notícias? Envie um e-mail para noticias@guiadocftv.com.br

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.