Audiência analisa segurança em agências lotéricas

A Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público discute
nesta terça-feira (10) a segurança nas agências lotéricas.

A deputada
Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), que propôs a realização da audiência,
lembra que o Banco Central autorizou instituições financeiras a delegar
serviços de sua competência a empresas não integrantes do sistema
financeiro com o objetivo de aumentar as opções dos consumidores. Desde
então, é possível fazer depósitos e pagar contas em agências lotéricas.
"As responsabilidades inerentes a esse novo tipo de atendimento também
devem ser ampliadas", defende Vanessa Grazziotin.

O
Sindicato dos Lotéricos de Minas Gerais estima que 70% dos clientes
procurem as lotéricas para pagar contas e apenas 12% freqüentem as
lojas para fazer apostas. Essas agências não dispõem da mesma
infra-estrutura de segurança dos bancos, como portas-giratórias e
detectores de metais, o que facilita a ação dos bandidos.

Na
Paraíba, uma lei estadual (9.554/01) exige que as agências lotéricas
tenham vigilantes armados. A Câmara analisa uma proposta semelhante. O
Projeto de Lei 6853/06
obriga as casas lotéricas que prestam serviço bancário a instalar
sistema de segurança armada e de monitoração eletrônica de imagens.

Debatedores
Foram convidados para a audiência:
– a presidente da Caixa Econômica Federal, Maria Fernanda Ramos Coelho;
– o presidente do Sindicato dos Vigilantes do Amazonas, Valderli da Cunha Bernardo;
– o presidente dos Lotéricos do Amazonas, Samuel Silva Azevedo;
– Paulo Leonel Michelon, representante da federação dos Lotéricos de Porto Alegre;
– presidente da Federação Nacional das Lotéricas de Londrina, Adelmar Mascarenhas.

A audiência está marcada para as 14h30, no plenário 12.

Origem: Agência Câmara

 
Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.