Rio 2016: Cidade terá centro integrado de polícia, defesa civil, trânsito e saúde

O projeto do Centro Integrado de Comando e Controle, que ficará junto ao Sambódromo: órgãos dos três governos e principais áreas da cidade monitoradas por câmeras.

RIO – Na corrida para sediar as Olimpíadas de 2016 – e para melhor receber os jogos da Copa do Mundo de 2014 -, o Rio ganhará, no próximo ano, um importante aliado na área de segurança e defesa civil. Inspirado num modelo adotado em Madri e Nova York, o primeiro Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) será construído ao lado do Sambódromo e deve ficar pronto em julho. A unidade é uma espécie de bunker, vai funcionar 24 horas por dia e terá representantes de oito órgãos do município, do estado e do governo federal. Juntos, eles vão monitorar por câmeras as principais áreas do município, podendo resolver rapidamente problemas tanto de segurança, quanto de trânsito, ordem pública e emergências médicas.

A ideia de criar um CICC na capital é do governo do estado, em parceria com o Tribunal de Justiça, que vai financiar a obra, orçada em R$ 60 milhões, com recursos do Fundo da Justiça. O modelo de um centro de comando foi testado na cidade durante os Jogos Pan-Americanos de 2007. Em fevereiro deste ano, o governador Sérgio Cabral e o prefeito Eduardo Paes se reuniram e acertaram detalhes da proposta do CICC, já que parte do terreno onde ficará o centro, na Rua Benedito Hipólito, pertencia ao município.

Pelo projeto, o CICC terá três andares. No primeiro, ficará a parte administrativa. O segundo será ocupado pelos serviços de teleatendimento, que receberão as chamadas relativas a segurança, trânsito, ordem pública, defesa civil ou resgates médicos. No terceiro andar, ficará a sala de gerenciamento de crise, que tanto poderá ser usada durante a Copa do Mundo, as Olimpíadas, o réveillon e o carnaval, como em casos de catástrofes ou episódios graves na área de segurança.

 

Origem: O Globo

 
Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.