Câmeras hackeadas expõem privacidade de criança na web; Minecraft foi utilizado para invasão

Privacidade tem se tornado algo cada vez mais preocupante nos dias de hoje, principalmente quando envolve crianças — há poucos dias, tivemos um questionamento levantado sobre Pokémon GO, jogo recentemente lançado pela Nintendo para plataformas móveis, que requisitaria acesso à “permissões demais”; agora, outro jogo entra na lista de preocupações para os pais: o Minecraft.

Um caso acontecido em Houston, Texas (EUA) serviu para abrir os olhos do mundo a respeito do perigo da invasão de privacidade q; uma criança teve as câmeras de vigilância de seu quarto invadidas por hackers, que transmitiram as imagens capturadas através de servidores de livestreaming na internet.

“Eles estão na minha casa. Olhando minhas filhas se vestirem, dormirem, brincarem“ pensou a mulher identificada como Jennifer, mãe das vítimas. Confira a entrevista abaixo dada ao jornal ABC News:

Para a sorte de Jennifer (e infelicidade de pedófilos e voyeurs ao redor do mundo), outra mãe chamada Shelby Ivie, que estava a vários quilômetros de distância, se deparou com o livestreaming do quarto das crianças enquanto procurava com seus filhos por imagens ao vivo de satélites na Terra.

Através de um app chamado “Live Camera Viewer“ — que mostra diversos feeds nos mais variados lugares do mundo como, por exemplo, cruzamentos em ruas e eventos de esporte — o video foi encontrado.

Após descobrir o material, Shelby começou a compartilhar em grupos de mães em Houston, até que ele acabou chegando a Jennifer, que mediante a uma consultoria com uma firma de segurança descobriu o culpado de tudo isso: O jogo Minecraft.

Aparentemente, ao baixar o Minecraft para iPad, sua filha de 8 anos de idade foi perguntada por um ‘nome de servidor’; sem saber do que se tratava, a criança buscou nomes de servidor no YouTube e configurou o jogo para conectar-se a um server qualquer.

Através do endereço de IP do iPad da criança, os hackers conseguiram acesso ao roteador (que ainda estava com a senha e usuário padrão), e assim, obtiveram acesso às câmeras de segurança. Após o episódio, Jennifer baniu suas filhas da internet e reforçou a segurança em sua casa: 

Preste sempre atenção no que seus filhos estão fazendo. Infelizmente os meus não irão mais acessar a internet, pois não posso arriscar acontecer novamente.”

origem: http://www.tudocelular.com/android/noticias/n76501/cameras-seguranca-hackeadas-crianca-minecraft.html

Sirlei Madruga de Oliveira
Editora do Guia do CFTV
sirlei@guiadocftv.com.br

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.