Onda “Big Brother” começou no comércio

Com o aumento da criminalidade em todo o país, o comércio aumentou o
investimento em segurança, adquirindo sistemas de alarmes ou de
monitoramento por câmeras de vigilância.

Mas, o consumidor que pensa que está seguro em um estabelecimento que
possui sistemas de vigilância por imagem pode estar enganado. Nem todas
as câmeras registram eventuais furtos ou roubos.
De acordo com o
especialista em segurança Jorge Fernandes, não existe uma lei que
obrigue os centros comerciais a possuírem sistemas de vigilância. “O
que a Lei obriga é que todo tipo de comércio ofereça, de modo eficaz,
segurança para seus clientes e funcionários”, esclarece.

Fernandes
salienta que uma das tentativas usadas para aumentar a segurança pelos
comerciantes de Curitiba são, de fato, as câmeras. No entanto, o
especialista explica que nem todas registram imagens. Segundo ele,
algumas, com preço inferior, não gravam imagens e são instaladas apenas
para inibir o ladrão. Outras são usadas apenas para ver o acontecimento
em tempo real. “As mais eficazes, porém, são aquelas capazes de gravar
toda a movimentação do local e produzir provas para a polícia”,
complementa.

De acordo com dados do Sindicato das Empresas de
Segurança Privada do Estado do Paraná, 65% dos serviços prestados de
segurança eletrônica em Curitiba, são voltados para o comércio. No
último ano, segundo Fernandes, o número de estabelecimento com sistema
de segurança por imagem aumentou 25% na Capital.

 

Origem: Bem Paraná


Marcelo Peres
Editor do Guia do CFTV

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Escreva para mim:
mpperes@guiadocftv.com.br

Importante:

‘Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas,
jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão.
Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Eng° Marcelo Peres

Eng° Eletricista Enfase em Eletrônica e TI, Técnico em Eletrônica, Consultor de Tecnologia, Projetista, Supervisor Técnico, Instrutor e Palestrante de Sistemas de Segurança, Segurança, TI, Sem Fio, Usuário Linux.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.