Inteligência Artificial descobre novo material tecnológico

Inteligência Artificial descobre novo material tecnológico

IA sem treinamento

Pela primeira vez, um sistema de inteligência artificial fez uma descoberta científica – um novo material – sem qualquer auxílio humano.

“[O sistema de] IA não é supervisionado. Muitos tipos de IA precisam ser treinados ou supervisionados. Em vez de pedir que aprendam as leis físicas, nós as codificamos na IA. Você não precisa de um humano para treinar a IA,” ressaltou o professor Aaron Kusne, do Instituto Nacional de Padronização e Tecnologia dos EUA.

Os pesquisadores incluíram no programa o conhecimento dos princípios-chave do experimento, incluindo dados de simulações e experimentos de laboratório, como o equipamento funciona e os conceitos físicos básicos necessários – para este primeiro teste, eles incluíram particularmente o conhecimento sobre o mapeamento de fase, que descreve como o arranjo dos átomos em um material muda com sua composição química e a temperatura.

IA controlando laboratório

A equipe então conectou o computador no qual o programa roda diretamente a uma linha de luz do laboratório síncrotron SSRL (Fonte Luminosa de Radiação Síncrotron de Stanford), projetada para fazer um tipo de análise chamada difração de raios X.

Ao identificar os ângulos em que os raios X refletem em uma amostra é possível determinar como os átomos estão dispostos no material, ou seja, a difração de raios X revela a estrutura cristalina do material. Compreender como os átomos estão dispostos em um material é importante para determinar suas propriedades, como o quão duro ou o quão eletricamente isolante ele é, e o quanto ele é adequado para uma aplicação específica.

Acontece que um único experimento de difração de raios X pode levar uma hora ou mais. É aí que entra o novo sistema integrado, chamado CAMEO, sigla em inglês para Sistema Autônomo em Circuito Fechado para Exploração e Otimização de Materiais. Com ele, o processo pode ser feito em 10 segundos.

O algoritmo instalado no computador decide qual composição de material estudar a seguir, escolhendo em qual material os raios X serão concentrados para investigar sua estrutura atômica. A cada nova iteração, o programa aprende com as medições anteriores e identifica o próximo material a estudar.

Isso permite que a inteligência artificial explore como a composição de um material afeta sua estrutura e identifique o melhor material para a tarefa em questão.

Essa abordagem permitiu que o CAMEO descobrisse o material Ge4Sb6Te7 (os pesquisadores encurtaram o nome dele para GST467). O programa recebeu 177 materiais potenciais para estudar, cobrindo uma grande variedade de receitas composicionais.

Para chegar a esse material, ele realizou 19 ciclos experimentais diferentes, que duraram 10 horas, em comparação com as 90 horas estimadas que um cientista levaria com o conjunto completo de 177 materiais.

Inteligência Artificial descobre novo material tecnológico

O sistema de inteligência artificial opera em circuito fechado. Cada ciclo dura de alguns segundos a vários minutos.

Embora existam infinitas variações de composição possíveis na liga Ge-Sb-Te, o novo material GST467 descoberto pelo programa de inteligência artificial é ideal para as aplicações envolvendo os materiais com memória de fase.

origem: https://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=inteligencia-artificial-descobre-novo-material-tecnologico&id=010160210108#.X_4L3OhKjIU

Sirlei Madruga de Oliveira

Editora do Guia do CFTV

sirlei@guiadocftv.com.br

 

Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?

Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.