Startup Wyze confirma vulnerabilidade que expôs informações durante semanas

A Wyze, startup que produz dispositivos da Internet das Coisas a preço baixo, confirmou uma vulnerabilidade de segurança que resultou no vazamento de dados de 2,4 milhões de seus usuários de câmeras de segurança.

A falha foi causada por um funcionário da empresa que não seguiu protocolos de segurança durante a transferência de um banco de dados. Isso fez informações pessoais dos usuários ficassem expostas entre os dias 4 e 26 de dezembro.

Os dados expostos incluem identificação de redes Wi-Fi, endereços de e-mail e métricas do corpo dos usuários. Senhas e informações financeiras não foram atingidas, de acordo com a Wyze.

A Wyze disse já ter tomado medidas de emergência e exigirá que usuários façam login novamente para voltar a usar os dispositivos da marca.

origem: Olhar Digital

 


Sirlei Madruga de Oliveira

 

Editora do Guia do CFTV

 

 

 

 

sirlei@guiadocftv.com.br
Avalie esta notícia, mande seus comentários e sugestões. Encontrou alguma informação incorreta ou algum erro no texto?


Importante:

Todos os Conteúdos divulgados decorrem de informações provenientes das fontes aqui indicadas, jamais caberá ao Guia do CFTV qualquer responsabilidade pelo seu conteúdo, veracidade e exatidão. Tudo que é divulgado é de exclusiva responsabilidade do autor e ou fonte redatora.’ 

Sirlei Madruga

Sirlei Maria Guia do CFTV

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.